Home / Geral / OMS aprova a vacina indiana Covaxin para uso emergencial contra a covid-19
EU QUERO

OMS aprova a vacina indiana Covaxin para uso emergencial contra a covid-19

A Organização Mundial da Saúde (OMS) aprovou nesta quarta-feira (3) o uso emergencial da Covaxin, vacina indiana contra a Covid-19, produzida pela Bharat Biotech. O imunizante não é usado no Brasil.

Segundo a OMS, a Covaxin é recomendada para os maiores de 18 anos, com um intervalo entre doses de quatro semanas. Ela não é recomendada para grávidas.

“O Grupo Técnico Consultivo, convocado pela OMS e composto por especialistas em regulamentação de todo o mundo, determinou que a vacina Covaxin atende aos padrões da OMS para proteção contra a Covid-19. O benefício da vacina supera os riscos e ela pode ser usada”, disse a entidade.

A Covaxin é baseada em vírus inativado. Essa técnica utiliza vírus que foram expostos em laboratório a calor e a produtos químicos para não serem capazes de se reproduzir. Ela é administrada em duas doses.

 

Sétima aprovação

Essa é a sétima vacina a receber aprovação de uso emergencial pela OMS.

Veja quais são as outras:

  • Pfizer (usada no Brasil)
  • Oxford/AstraZeneca (usada no Brasil)
  • Johnson (usada no Brasil)
  • Sinovac/CoronaVac (usada no Brasil)
  • Moderna
  • Sinopharm

Uma aprovação pela agência de Saúde da ONU abre caminho para que a vacina possa ser distribuída pelo Covax Facility, o consórcio mundial organizado pela OMS para garantir um acesso mais igualitário aos imunizantes por países mais pobres.

CONTEUDO: MEIO NORTE

Veja Também

Fila de espera por transplante no País cresce 30,4% e chega a 50 mil pessoas

Pelo menos nove pacientes morreram por dia à espera de transplante no primeiro trimestre deste ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *