Home / Política / Wellington Dias vê retrocesso na proposta que extingue municípios

Wellington Dias vê retrocesso na proposta que extingue municípios

O governador Wellington Dias (PT) criticou nesta quinta-feira (07/11) a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do Pacto Federativo, anunciada pelo governo federal, que pode levar a extinção de 78 cidades do Piauí. Em todo o país, 1.254 cidades podem ser afetadas.

O chefe do executivo estadual tratou a proposta como absurdo e justificou que os municípios pequenos foram importantes no combate ao êxodo da população piauiense para grandes centros urbanos. “Eu acho um absurdo. É só olhar para o que era o Brasil. Eu pego o exemplo do Piauí. Nós conseguimos segurar o êxodo. Pequenas cidades eram locais abandonados. Hoje tem escola, tem unidade de saúde, tem médico, tem uma estrutura”, afirmou.

Por outro lado, o governador concorda que a sustentabilidade desses municípios deve ser repensada. Wellington Dias cita, por exemplo, a criação de impostos próprios e atração de investimentos através de parcerias com a iniciativa privada.

“Se a cidade está cara é seguir exemplo de outros países. Fazer uma regra para o tamanho dessa estrutura. Se há necessidade de nova receita, eu acho que há, os municípios menores devem ter instrumentos para atrair investimentos e ao mesmo tempo fazer um sistema de cobranças de receitas próprias com ISS, IPTU, ITR”, disse.

Foto: Arquivo O DIA 

Wellington Dias tratou a proposta como um retrocesso e revela que acha difícil a aprovação desse trecho da PEC. “Acabar com quase 70 municípios do Piauí eu não vou aceitar. Já tem uma regra atual que dificulta a criação de novos, aí está correto, mas acho que esse passo para trás o Piauí e nenhum lugar do Brasil vai aceitar”.

Segundo Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do Pacto Federativo, serão extintos os municípios com menos de 5 mil habitantes e arrecadação própria menor que 10% da receita total.

Por: Otávio Neto

CONTEÚDO:  O DIA

Veja Também

Senado deve definir votação de aposentadoria para trabalho de risco

Uma proposta de lei complementar que define critérios para aposentadoria de trabalhadores que atuam em ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *