Home / Notícias / Piauí tem maior número de desempregados desde 2012; diz IBGE
EU QUERO

Piauí tem maior número de desempregados desde 2012; diz IBGE

Piauí registrou no segundo trimestre a maior taxa de desocupação desde que a pesquisa foi criada em 2012. A taxa de desemprego no Piauí foi de 13,5%, sendo a maior taxa da série histórica, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), responsável pelo estudo. Na prática são 192.000 piauienses sem emprego no segundo trimestre deste ano, segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua).

Segundo o Supervisor de Documentação e Disseminação de Informações do IBGE, Eyder Silva, o resultado representa um agravamento da crise. “Nós começamos em 2012 e é a maior taxa da série histórica. No levantamento anterior eram 175 mil pessoas desocupadas. É uma piora do cenário como o aumento da desocupação já este ano”, disse referindo-se aos primeiros três meses deste ano.

Levando em consideração o mesmo período de 2016 os dados apontam um aumento ainda maior do desemprego no Estado. “Em Abril, Maio e Junho de 2016 eram 142 mil pessoas desocupadas. Em um ano aumentou em 50 mil pessoas o número de desempregados no Piauí”, apontou o supervisor do IBGE.

As atividades econômicas que mais contribuíram para o aumento do desemprego no Piauí na comparação do segundo trimestre de 2017 com o mesmo período de 2016 foram a construção, com aumento de 14,5% no número de desempregados; a agricultura, com crescimento de 11,3% e o comércio com elevação de 10,4%.

Capital também enfrenta aumento de desemprego

Em Teresina também houve uma elevação na taxa de desemprego em relação ao trimestre anterior, tendo passado de 11,90% para 12,80%. “Teresina teve uma elevação, mas não aponta a quantidade, ficando restrita a taxa percentual. É menor que a do Piauí”, enfatizou Eyder Silva. O supervisor explicou a capital evitou que o índice de desemprego no estado fosse ainda maior.

“O interior eleva a média. Se tirasse Teresina da pesquisa a média de desempregados seria bem maior”, comentou Eyder acrescentando que no segundo trimestre de 2016 o desemprego na capital era de 9,9%.

Fonte: g1.globo.com/pi/piaui

Veja Também

Ataques golpistas somam mais de 1,5 mil presos; acampamento no DF é desfeito

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, afirmou que, nas últimas 24 horas, ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *