Home / Notícias / APPM sedia I Seminário Estadual de Prevenção e Posvenção ao Suicídio
EU QUERO

APPM sedia I Seminário Estadual de Prevenção e Posvenção ao Suicídio

Aconteceu na manhã desta quinta-feira (24), a cerimônia de abertura do I Seminário Estadual de Prevenção e Posvenção ao Suicídio. A solenidade ocorreu no auditório da Associação Piauiense de Municípios (APPM) e contou com as presenças do governador Wellington Dias, do presidente da APPM, Gil Carlos, do secretário estadual de saúde, Florentino Neto, secretário de governo Merlong Solano, secretário estadual de assistência social e cidadania, Zé Santana, promotora de justiça Carla Daniele Carvalho, presidente do Conselho Estadual de Saúde Teófilo Cavalcante, presidente do Conselho Nacional de Psicologia Eduardo Moita, presidente do Conselho Municipal de Saúde de Teresina José Roberto Leite, Vice-presidente do Conselho Regional de Medicina Dagoberto Silveira e do deputado estadual Francis Lopes.

 

Durante a cerimônia, Gil Carlos, ressaltou a importância do debate para a sociedade piauiense. “Esse é um problema de saúde pública que merece total atenção, e preocupa inclusive a Organização Mundial da Saúde (OMS). É importante alertar que existe uma relação entre o status socioeconômico e o número de suicídio, e o Piauí é um dos estados com os maiores índices. Por isso, a necessidade de se criar um plano estadual de prevenção, uma vez que este é um problema que pode ser prevenido. A intenção é usarmos uma rede de atenção psicossocial e integrar os demais órgãos dos serviços públicos para definição de políticas de prevenção, de forma a mobilizar toda a sociedade”, explica.

De acordo com o governador Wellington Dias, o evento marca um momento importante para a população do estado. “Esse seminário vai possibilitar a capacitação de profissionais, que estarão cada vez mais preparados para lidar com a situação. Agradecemos todos os setores que estão participando e somando a essa causa, com o desenvolvimento de políticas públicas de prevenção.”, concluiu.

A palestra magna do Seminário, “Suicídio como Problema de Saúde Pública no Brasil”, foi ministrada pelo Psiquiatra da UFRJ, Dr. Nelson Goldnstein, que discutiu em torno de temas que envolvem as motivações e os fatores de risco podem levar ao suicídio. O psiquiatra também comentou a iniciativa do Piauí, e ressaltou que o estado se coloca à frente nas políticas do enfrentando à pandemia . “O estado está criando um plano de ação intersetorial que vai além da intervenção médica. Convocando a sociedade de uma maneira mais complexa, assim como acontece na literatura mundial. Temos que aplaudir essa iniciativa que vai ser de grande importância para ensinar aos outros estados tudo que está sendo feito no Piauí”, afirma.

 

O evento se estende até esta sexta-feira, 25 de agosto.

Fonte: Ascom APPM

Veja Também

Ataques golpistas somam mais de 1,5 mil presos; acampamento no DF é desfeito

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, afirmou que, nas últimas 24 horas, ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *